Header Ads Widget

Responsive Advertisement

Assalto a Uber tem perseguição e três mortes em Neves

Três pessoas morreram na madrugada deste sábado em Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, em um acidente ocorrido durante uma perseguição policial após um assalto a um carro do aplicativo Uber. Duas das vítimas estavam em uma motocicleta e nada tinham a ver com a ocorrência.

Segundo a Polícia Militar, três homens roubaram um veículo Renault Sandero de um motorista da Uber quando a vítima deixava um passageiro em uma casa de festas na Avenida Otacílio Negrão de Lima, na orla da Lagoa da Pampulha, em Belo Horizonte.

Os criminosos furaram o bloqueio policial e seguiram para a Rua do Executivo, no Bairro Tancredo Neves, em Ribeirão das Neves. O motorista perdeu o controle do automóvel e atingiu uma moto.

O condutor da motocicleta, Leandro Rodrigues dos Santos, de 20 anos, inabilitado, e o garupa, Diogo Vitorino da Silva, da mesma idade, morreram na hora. Um dos passageiros do Sandero, de cerca de 21 anos, não identificado por falta de documentos, também não resistiu.

O assaltante que dirigia o veículo, identificado como Felipe, e o terceiro integrante do grupo, Luis Henrique Pereira dos Santos, ficaram feridos. Eles estão no Hospital Pronto-Socorro João XXIII e não correm risco de morrer.