Jogo de Vida ou morte para o São Francisco-PA - CLUB SPORTS | O SEU CANAL DE ESPORTES


 

Breaking

 ASSISTIR AGORA!

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Jogo de Vida ou morte para o São Francisco-PA



Em noite inspirada de todos que entraram em campo, o time franciscano fez história de novo e é o primeiro time de Santarém a passar para segunda fase da competição da Copa do Brasil.

Quem não foi ao jogo temendo ver um São Francisco apático pelos maus resultados no campeonato estadual, perdeu um grande jogo. A partida não foi fácil, pois o Leão tinha pela frente o Botafogo da paraíba, time tradicional daquele estado e consolidado na série C do brasileiro. Mas o time franciscano soube se impor desde o início, e quando correu riscos, tinha no goleiro Labilá uma parede intransponível.

O que vimos foi um milagre de “São” Walter Lima. O treinador recontratado depois da ótima campanha em 2016, chegou para substituir o ex técnico Vitor Hugo e em apenas uma semana transformou um grupo de jogadores desacreditados em um elenco vibrante e cheio de garra, capaz de derrotar um adversário teóricamente mais forte e ainda ter motivação para sair atrás da recuperação no paraense 2017.

O JOGO – No início um jogo aberto mas equilibrado, com o time paraibano tentando controlar a partida pois tinha o empate a seu favor, e os azulinos procurando no toque de bola chegar ao gol do goleiro Michel Alves. Mas foi o goleiro Labilá que se destacou nesse início, salvando em duas oportunidades a meta franciscana.

Depois dos 20 minutos iniciais os donos da casa já mandavam no jogo e aos 33 minutos abriu o placar após triangulação entre Fábio Paulista, Rodrigo Santarém e o atacante Bartola que emendou de primeira o passe da direita. O “belo” esboçou reagir de imediato mas esbarrou na ótima atuação do sistema defensivo composto de Charles, Marcos Alemão (este um monstro) e de Clayton He-man, lateral esquerdo improvisado que cobria com perfeição seu setor de origem. E o que falar de Labilá, o herói da partida que falou em entrevista ainda estar “fora de rítmo” por ter ficado parado.

Na volta do intervalo o Botafogo veio pra cima tentando arrancar o empate e tirou o volante Amarildo e colocou o meia Raphael Luz. O belo expôs de vez sua defesa e num contrataque aos 5″ 2ºt, Bartola tomou uma cotovelada na entrada da grande área. Plínio era o último homem e foi expulso direto. Para piorar a já complicada situação dos visitantes, o zagueiro Marcos Alemão cobrou com perfeição a falta, colocando a bola no ângulo superior esquerdo do goleiro Michel Alves, fazendo aos 8 minutos o segundo gol franciscano.


Com o Botafogo totalmente perdido em campo e sem grande poder de reação, o São Francisco se impôs e perdeu várias oportunidades de multiplicar a vantagem, mas nos acréscimos, Fabio Paulista, o artilheiro do Leão na temporada com três gols em três jogos, deixou a sua marca, decretando a classificação do Gigante do Oeste para disputar a segunda fase da Copa do Brasil, feito conseguido primeira vez por um clube da cidade.

São Francisco – Labilá, Diogo Silva, Charles, Alemão e He-man (Maicon). Rodrigo Santarém, Murilo, Bartola (Danúbio) e Sousa. Fábio Paulista e Thiago Marabá (Lucas Castilho). Técnico: Walter Lima.

Botafogo-PB – Michel Alves, Plínio, Gustavo Henrique e Walber; Gustavo, Amarildo (Raphael Luz), Djavan, Marcinho, Diogo Campos (Biro Biro) e Fernandes; Wanderson. Técnico: Itamar Schülle.

O Técnico Walter Lima deve manter essa mesma formação contra o Cruzeiro no gigante da Pampulha pela segunda fase da copa do Brasil, jogo que será realizado as 21:45 minutos, horário de Brasilia, o Técnico Walter Lima e os Jogadores sabem do jogo difícil que vão ter diante do Cruzeiro, mas estão confiantes para se manter na competição, sabendo das mudanças do regulamento, o Time Paraibano tem um jogo de vida ou morte, é matar ou morrer, diante da raposa, precisamos  ter cautela para jogar no erro do nosso adversário, diz  Técnico Walter Lima.