Com ótima atuação do goleiro Fábio Cruzeiro vence a Chape e conquista 3 pontos - CLUB SPORTS | O SEU CANAL DE ESPORTES

Breaking

domingo, 10 de setembro de 2017

Com ótima atuação do goleiro Fábio Cruzeiro vence a Chape e conquista 3 pontos


Mesmo preservando alguns titulares importantes, o Cruzeiro entrou em campo para enfrentar a Chapecoense neste domingo, na Arena Condá, com uma formação muito forte.

E foi recompensado por isso. Com gols de Rafinha e Raniel, e contando mais uma vez com um inspirado Fábio, o time celeste conseguiu sua nona vitória no Campeonato Brasileiro e segue entre os classificados para a próxima Libertadores. Túlio de Melo descontou para os donos da casa. 

A Raposa soma agora 34 pontos, na sexta posição. Já a Chape vive situação dramática. Após liderar o Nacional nas primeiras rodadas, os catarinenses caíram vertiginosamente de produção e hoje ocupam a antepenúltima colocação, com 25 pontos. 

O Cruzeiro terá agora uma semana livre até o próximo compromisso pelo Brasileirão, no domingo que vem, contra o Bahia, no Mineirão. A Chapecoense, por sua vez, encara o Grêmio, em Porto Alegre, também no domingo. 

O jogo

A Chapecoense tentou imprimir um ritmo forte no começo do jogo, mas, apesar de rondar a área celeste, não conseguia chegar de forma incisiva. Tanto que a primeira boa chance foi dos visitantes. Arrascaeta cruzou da direita e Túlio de Melo cabeceou contra o patrimônio. A bola passou perto do gol de Jandrei. 

O troco da Chape veio aos 27. Canteros bateu fata na direita, o baixinho Arthur foi mais esperto que os marcadores e testou firme, por cima da meta de Fábio. Três minutos depois, Arrascaeta cobrou escanteio na cabeça de Murilo, que cabeceou com perigo. 

As bolas alçadas na área continuavam sendo a principal arma dos dois times. Aos 33, Apodi avançou pela direita e cruzou na medida para Túlio de Melo. A cabeçada veio forte, mas Fábio operou um novo milagre para salvar a Raposa.

Aos 41, Wellington Paulista recebeu na intermediária e disparou um foguete na direção do go. Fábio se esticou todo e conseguiu mandar para escanteio. 

Quando o primeiro tempo já se encaminhava para o fim, o Cruzeiro conseguiu abrir o placar. Aos 45, Raniel descolou ótimo passe para Rafinha, que passou por Fabrício Bruno e tocou na saída de Jandrei. 

Precisando desesperadamente dos três pontos para sair do Z-4, a Chape voltou com tudo para a etapa final. Antes do primeiro minuto, Wellington Paulista deu uma de ponta e cruzou para Túlio de Melo, que cabeceou bem. Fábio pegou.

Aos 14, o Cruzeiro desperdiçou uma chance incrível de deixar a vitória bem encaminhada. Robinho lançou na área, Henrique escorou de peito e Arrascaeta, sem marcação e de frente para gol, conseguiu o mais difícil: isolar por cima do travessão. 

Quatro minutos depois, veio o gol da tranquilidade. Robinho cobrou falta de longe e Leo testou firme, mas Jandrei salvou. Raniel acreditou no rebote e, mesmo com pouco ângulo, mandou para o fundo da rede.

A Chapecoense descontou aos 38. Depois de tanto insistir, Túlio de Melo aproveitou cobrança de falta pela direita e cabeceou com violência, sem chances para Fábio.

Chapecoense 1 x 2 Cruzeiro

Motivo: 23ª rodada do Campeonato Brasileiro
Local: Arena Condá, em Chapecó (SC)
Árbitro: Leandro Bizzio Marinho (CBF/SP)
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli (CBF/SP) e Daniel Luis Marques (CBF/SP)
Gols: Rafinha, aos 45 min do 1ºT, Raniel, aos 14 min do 2ºT, e Túlio de Melo, aos 38 min do 2ºT
Chapecoense: Jandrei; Apodi, Douglas Grolli, Fabrício Bruno e Roberto (Diego Renan); Moisés Ribeiro, Canteros e Seijas (Júlio César); Arthur (Cristian Penilla), Wellington Paulista e Túlio de Melo. Técnico: Vinícius Eutrópio
Cruzeiro: Fábio; Ezequiel, Leo, Murilo e Diogo Barbosa; Henrique, Lucas Silva, Robinho (Alisson), Rafinha e Arrascaeta (Thiago Neves); Raniel (Sassá). Técnico: Mano Menezes

Nenhum comentário:

Postar um comentário