COM UM A MENOS DESDE O PRIMEIRO TEMPO, CRUZEIRO LUTA MAS É SUPERADO PELO OPERÁRIO, EM PONTA GROSSA - CLUB SPORTS | O SEU CANAL DE ESPORTES


 

Breaking

 ASSISTIR AGORA!

segunda-feira, 21 de junho de 2021

COM UM A MENOS DESDE O PRIMEIRO TEMPO, CRUZEIRO LUTA MAS É SUPERADO PELO OPERÁRIO, EM PONTA GROSSA



Em noite de chuva e campo pesado em Ponta Grossa-PR, o Cruzeiro lutou e demonstrou garra mas foi superado pelo Operário, em partida válida pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Ainda no primeiro tempo o Cruzeiro teve o zagueiro Weverton expulso, e mesmo com um atleta a menos, fez um duelo equilibrado fora de casa. O Clube azul chegou a empatar ainda no primeiro tempo, mas viu o placar ser decidido nos últimos minutos da etapa final.

Após o revés, o Cruzeiro retorna a Belo Horizonte neste domingo e já na segunda-feira inicia a preparação para o importante duelo diante do Vasco, válido pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, nesta quinta-feira, no Mineirão.

     PRIMEIRO TEMPO                                                      

Com o gramado encharcado, em decorrência da chuva presente em Ponta Grossa nos últimos dias, o início da partida apresentou muita disputa no meio de campo. O Cruzeiro começou a disputa tendo mais posse de bola e procurando mais o gol, chegando próximo à área do Operário através de cobranças de escanteio e faltas da intermediária.

A primeira oportunidade foi criada em um arremate de fora da área, aos 26 minutos, com Marcinho, mas o chute saiu a direita do goleiro Thiago Braga.

No entanto, aos 28, em uma disputa de bola no meio de campo, Weverton fez falta frontal em Leandro Vilela e recebeu o cartão vermelho. Na cobrança da infração, o Operário chegou ao primeiro gol. Tomas fez a cobrança, Pedro Ken cabeceou a bola na trave e no rebote Paulo Sérgio concluiu de bicicleta, abrindo o placar no interior do Paraná.

Mesmo com um jogador a menos, o Cruzeiro procurou o empate ainda no primeiro tempo. Aos 35 minutos Rafael Sóbis recebeu a bola na entrada da área e finalizou de pé esquerdo para a defesa do goleiro adversário. Dois minutos depois a equipe azul chegou com perigo novamente. Em mais uma finalização de Marcinho, o goleiro do Operário realizou importante defesa.

Aos 43 minutos o esforço do Cruzeiro foi recompensado com o gol de empate. Bruno José carregou a bola da direita para o meio e concluiu de perna esquerda, a defesa conseguiu desviar o chute, mas, com oportunismo, Felipe Augusto concluiu de perna esquerda igualando o placar.

Antes do fim do primeiro tempo o Operário chegou com perigo, em finalização de Leandro Vilela, mas Fábio fez grande defesa impedindo o segundo gol da equipe paranaense.

     SEGUNDO TEMPO                                                       

No intervalo da partida, o treinador Mozart promoveu a substituição de Marcinho por Joseph e o Cruzeiro continuou apresentando a mesma vontade da primeira etapa.

A primeira chance do segundo tempo também aconteceu com Felipe Augusto. Em jogada pela esquerda, o cruzeirense avançou e finalizou com força, mas a bola saiu para a linha de fundo.

Aos 18 minutos o Cruzeiro fez mais duas mudanças. Jadson substituiu Bruno José, enquanto Giovanni deu lugar a Ariel Cabral. Ao voltar a disputar uma partida pelo Cruzeiro, o argentino se tornou, de maneira isolada, o jogador estrangeiro com mais jogos na história centenária do Clube, com 189 jogos.

O jogo continuou equilibrado e, aos 28 minutos, a comissão técnica realizou as últimas duas substituições, com as entradas e Airton e Adriano, para as saídas de Rafael Sóbis e Matheus Barbosa.

Aos 39 minutos do segundo tempo o Operário fez o segundo gol. O lateral Silva chutou forte de fora da área e venceu a meta cruzeirense, colocando a equipe de Ponta Grossa novamente em vantagem.

Com a desvantagem no placar, o Cruzeiro seguiu em busca do gol. Aos 46 Adriano teve boa chance dentro da área, mas a defesa afastou após chute de perna direita. Na cobrança do escanteio, Ramon cabeceou, a bola desviou na mão do defensor do Operário, no entanto não houve infração sinalizada pela arbitragem.


                         OPERÁRIO X CRUZEIRO                         

Motivo: 5ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro

Data: 19/06/2021 (Sábado)

Local: Estádio Germano Krüger – Ponta Grossa-PR

Árbitro: Paulo Henrique Schleich Vollkopf - MS

Operário: Thiago Braga; Alex Silva, Reniê, Rodolfo Filemon e Silva; Leandro Vilela (Fábio Alemão), Pedro Ken (Thomaz), Jean Carlo (Leandrinho) e Tomas Bastos; Paulo Sérgio (Schumacher) e Rodrigo Pimpão (Rafael Oller).
Técnico: Matheus Costa


Cruzeiro: Fábio; Rômulo, Ramon, Weverton e Paulo; Matheus Barbosa (Adriano), Giovanni (Ariel Cabral) e Marcinho (Joseph); Felipe Augusto, Bruno José (Jadson) e Rafael Sóbis (Airton).
Técnico: Mozart


Gols: Paulo Sérgio, aos 31 minutos do primeiro tempo, Silva aos 39 minutos do segundo tempo (Operário)/ Felipe Augusto, aos 43 minutos do primeiro tempo (Cruzeiro).

Cartões amarelos: Leandro Vilela, Reniê, Fábio Alemão (Operário) e Felipe Augusto (Cruzeiro).

Cartões vermelhos: Weverton (Cruzeiro)