CRUZEIRO EMPATA FORA DE CASA PELO BRASILEIRÃO DA SÉRIE B, PERMANECE HÁ 12 RODADAS INVICTO - CLUB SPORTS | O SEU CANAL DE ESPORTES


 

Breaking

 ASSISTIR AGORA!

domingo, 19 de setembro de 2021

CRUZEIRO EMPATA FORA DE CASA PELO BRASILEIRÃO DA SÉRIE B, PERMANECE HÁ 12 RODADAS INVICTO



Com gol no último minuto da partida, o Cruzeiro empatou com o Vasco em São Januário por 1 a 1, gols de Nenê e Ramon. O Vasco chegou a fazer o segundo gol, com Daniel Amorim, mas o lance por anulado após o juiz ser avisado de um toque no braço no início da jogada. Na sequência, o Cruzeiro marcou seu gol de empate após cobrança de escanteio.

O empate, no entanto, não foi bom para nenhuma das equipes. O Cruzeiro chegou aos 31 pontos, na 13ª posição e o Vasco somou 34 pontos, no nono lugar. Os times ainda lutam para se aproximar do G-4, mas o resultado não impulsiona nenhum dos dois na tabela.

O Cruzeiro completou 10 jogos sem perder sob o comando de Luxemburgo, mas os empates “freiam” o time, que tenta uma arrancada na Série B do Brasileirão. A Raposa é a equipe que mais empatou até aqui: 13 vezes, sendo seis deles com Vanderlei, que hoje estava suspenso.



O JOGO – O Cruzeiro não fez um bom primeiro tempo e foi dominado pelo Vasco, que abriu o placar no fim do primeiro tempo, com Nenê, que fazia a sua reestreia pelo time carioca e fez uma boa partida.

E a derrota nos primeiros 45 minutos só não foi maior graças ao goleiro Fábio, que mais uma vez foi um dos destaques do time e fez grandes defesas.

No ataque, Thiago não desempenhou bem jogando aberto pelo lado esquerdo. Ainda no primeiro tempo, mudou seu posicionamento, jogando mais perto da área, ao lado de Moreno. Com isso, foi quem conseguiu as melhores chances do lado cruzeirense.

No segundo tempo, o Cruzeiro voltou a atuar com um único centroavante: Thiago. Claudinho também entrou no jogo e melhorou as ações ofensivas da equipe, que pressionou o Vasco.

Aos 47’ minutos, o time carioca ampliou o placar: Daniel Amorim recebeu com liberdade na entrada da área e chutou no canto do goleiro Fábio. No entanto, o lance foi anulado pelo juiz, que viu um toque no braço no início da jogada.

O jogo seguiu e, no minuto seguinte, o Cruzeiro conseguiu o gol de empate com Ramon. Após cobrança de escanteio, Felipe Augusto desviou de cabeça e a bola sobrou para o zagueiro cruzeirense, que empurrou as redes de Vanderlei.

       VASCO 1 X 1 CRUZEIRO              

VASCO

Vanderlei; Léo Matos, Ricardo, Leandro Castan e Riquelme (Walber); Andrey, Marquinhos Gabriel e Nenê (Bruno Gomes); Léo Jabá, Cano (Daniel Amorim) e Morato (Gabriel Pec). Técnico: Fernando Diniz.


 CRUZEIRO

Fábio; Rômulo, Ramon, Eduardo Brock e Matheus Pereira (Dudu); Adriano, Marco Antônio (Flávio) e Giovanni (Rafael Sóbis); Wellington Nem (Felipe Augusto), Marcelo Moreno (Claudinho) e Thiago. Técnico: Belletti (auxiliar).

Data 19 de setembro
Estádio: São Januário
Cidade: Rio de Janeiro

Motivo: 25ª rodada do Campeonato Brasileiro Série B

Gols - Nenê, aos 44 minutos do primeiro tempo. Ramon, aos 49 minutos do segundo tempo
Cartões amarelos: Andrey e Cano (Vasco); Eduardo Brock e Marcelo Moreno (Cruzeiro)



Ábitro: Andre Luiz de Freitas Castro (GO)
Auxiliares: Hugo Savio Xavier Correa e (GO) e Paulo Cesar Ferreira de Almeida (GO)
VAR: Rodolpho Toski Marques (PR)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação!!!