Robinho treina, não sente dores e vira opção para clássico contra o América - CLUB SPORTS | O SEU CANAL DE ESPORTES


 

Breaking

 ASSISTIR AGORA!

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Robinho treina, não sente dores e vira opção para clássico contra o América



O técnico Roger Machado ganhou um reforço de peso para os próximos compromissos do Atlético na temporada 2017. Na manhã desta quarta-feira, o atacante Robinho participou normalmente do treinamento da equipe na Cidade do Galo e foi liberado pelo departamento médico.

Robinho esteve presente na atividade técnica e tática e não reclamou de dores, mostrando estar completamente recuperado de uma pequena fratura na costela, sofrida em 25 de janeiro, durante amistoso entre as seleções do Brasil e da Colômbia, no Engenhão, no Rio.

Por causa desse problema, o atacante ainda não entrou em campo pelo alvinegro em 2017, pois sua lesão foi sofrida às vésperas da estreia do time no Campeonato Mineiro, ficando de fora de cinco compromissos por competições oficiais. Agora, porém, pode ser aproveitado por Roger no clássico deste domingo, diante do América, no Mineirão, pela quarta rodada do Estadual.

Nos próximos três dias, Robinho precisará mostrar que está em condições físicas de começar jogando no fim de semana. Caso isso se confirme, o equatoriano Cazares e o venezuelano Otero são os favoritos a perderem a vaga de titular no setor ofensivo do time.

Questionado sobre como pretende utilizar Robinho no time, o técnico do Galo deixou a questão em aberto. “Se eu quiser gerenciar melhor o esforço do Robinho, ele joga no centro, como um meia-atacante, ao lado do Elias, no tripé de meia. Se a gente quiser ter um pouco mais de parceria pelo lado do campo, com ele, Danilo e Fábio, aberto na esquerda. Robinho jogou quase a vida toda do lado esquerdo. É difícil vê-lo do lado direito, embora a gente possa também vê-lo desta forma. Inicialmente, eu o vejo pelo centro, para que seja um articulador e um finalizador”, analisou Roger Machado. 

Contratado no ano passado após passagem apagada pelo futebol chinês, Robinho se destacou pelo Atlético em 2016, com 25 gols marcados, o que acabou lhe rendendo, inclusive, a convocação para o último compromisso da seleção brasileira, quando Tite só chamou jogadores que atuam dentro do País.