América bate o Luverdense no Independência e se reaproxima do Internacional - CLUB SPORTS | O SEU CANAL DE ESPORTES


 

Breaking

 ASSISTIR AGORA!

sábado, 14 de outubro de 2017

América bate o Luverdense no Independência e se reaproxima do Internacional


OAmérica voltou a ficar perto do Internacional ao vencer o Luverdense por 2 a 1 na tarde deste sábado, no Independência, pela 28ª rodada da Série B. 

Os mandantes abriram o placar com Luan, aos 7 minutos do primeiro tempo, e ampliaram com Ernandes, aos 29. William diminuiu para a equipe de Mato Grosso aos 31 da etapa inicial.

O resultado mantém o Coelho no segundo lugar, agora com 54 pontos, três a menos que o time gaúcho, que lidera a competição. O time mato-grossense caiu para a 17ª posição, com 34. Os mineiros voltam a campo na terça-feira (17), quando enfrenta o Brasil, de Pelotas, às 20h30, no Rio Grande do Sul. O Luverndese joga em casa contra o Paysandy, no mesmo dia, mas às 21h30.

Esta vitória também reabilitou o América diante de sua torcida, porque da última vez em que jogou em casa perdeu para o Oeste por 2 a 1. O Luverdense continua com altos e baixos, tanto que vinha de boa atuação na vitória por 3 a 0 sobre o Figueirense. 

  • O JOGO

Dono da casa, o América tomou as iniciativas ofensivas e abriu o placar logo aos sete minutos. Após escanteio, Luan apareceu na primeira trave e desviou de cabeça para as redes. O Luverdense manteve um futebol muito tímido e lento, sem condições de chegar no ataque de forma aguda. Só perdeu uma chance com Rafael Ratão, que ao invés de chutar, tentou cruzar e desperdiçou.

Para piorar para o Luverdense, a defesa falhou. O volante Moacir perdeu a bola na frente da área, Ernandes recuperou e, mesmo desequilibrado, chutou de bico. Contou ainda com o desvio no zagueiro Neguete: 2 a 0, aos 28 minutos.

O time do Mato Grosso, porém, diminuiu logo depois, aos 31. Sérgio Mota cobrou falta do lado esquerdo em direção à grande área. No meio de tantos jogadores, o zagueiro William apareceu para testar firme, de cima para baixo.

No segundo tempo, o ritmo diminuiu. Mas o Luverdense adiantou sua marcação para buscar o empate. Aos dez minutos, o técnico Júnior Rocha tirou o volante Guly para a entrada do meia Marcos Aurélio. Aos 11, o visitante ameaçou em chute de Alfredo. Ele foi lançado por Sérgio Mota e bateu cruzado, mas para fora.

O Coelho perdeu ritmo, não chegava com perigo ao ataque e passou a correr riscos nos últimos minutos. O técnico Enderson Moreira, que completou 450 dias no comando do time americano, insistiu em deixar o atacante Bill em campo, apesar de sua péssima atuação.

A única chance real do mandante aconteceu aos 31 minutos, quando Bill ajeitou de cabeça para Norberto chutar. Ele bateu forte, mas o goleiro Diogo Silva mandou para escanteio. Bill saiu somente aos 35, dando vaga para o meia Renan Oliveira para reforçar a marcação. Depois disso, segurou o jogo e garantiu a vitória sem se arriscar.

  • AMÉRICA X LUVERDENSE

América: João Ricardo; Norberto, Messias, Rafael Lima e Pará; Juninho, Ernandes, Matheusinho, Ru (Zé Ricardo) e Luan (Edson); Bill (Renan Oliveira). Técnico: Enderson Moreira

Luverdense: Diogo Silva; Aderlan, Neguete, William e Paulinho; Guly (Marcos Aurélio), Moacir, Sérgio Mota, Rafael Ratão (Cléo Silva) e Alfredo; Rafael Silva. Técnico: Júnior Rocha

Gols: Luan (7’/1ºT), Ernandes (29’/1ºT), William (31’/1ºT)
Cartões amarelos: Aderlan e Guly (Luverdense)

Motivo: 29ª rodada – Série B do Campeonato Brasileiro
Data: 14 de outubro de 2017, sábado, às 16h30
Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)

Árbitro: Thiago Duarte Peixoto (SP)
Auxiliares: Luiz Alberto Andrini Nogueira (SP) e Fabrício Porfírio de Moura (SP)