Mano elogia diretoria celeste e vê elenco ainda mais forte para 2018 - CLUB SPORTS | O SEU CANAL DE ESPORTES


 

Breaking

 ASSISTIR AGORA!

quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

Mano elogia diretoria celeste e vê elenco ainda mais forte para 2018


O técnico Mano Menezes falou com a imprensa pela primeira vez no ano de 2018. O comandante celeste destacou a ação da diretoria cinco estrelas na janela de transferências e projetou um ano de bastante competitividade nos campeonatos e torneios que o Cruzeiro disputará.

Mano ressaltou que o planejamento inicial era o de reforçar carências do time e do elenco como um todo, a partir de avaliações feitas pela comissão técnica em parceria com a diretoria.

“Antes de sairmos da temporada de 2017, falamos várias vezes que iríamos nortear os passos do Cruzeiro na busca por reforços. Entendíamos que tínhamos um ótimo time e que, mesmo dentro desse ótimo time, tínhamos algumas carências que deveríamos suprir para que, ao final das contratações, avaliássemos que qualificamos time e elenco. E é esta a avaliação que estamos fazendo nesse primeiro momento. Conseguimos qualificar para podermos estar aptos a atender todas as expectativas que se criam neste ano importante”, avaliou.

 VISITE NOSSA LOJA DIAMOND STORE
“O trabalho é duro, mas a dedicação vai ser muito grande. Muitos dos nossos jogadores que temos no nosso grupo já sabem desse caminho das vitórias, que é também um caminho de sacrifício. Ninguém consegue absolutamente nada se não entender isso claramente e não executar na prática”, reiterou.

O treinador do Maior de Minas acredita que a tendência é que os clubes de um modo geral estejam mais fortes em 2018 e exemplificou o caso da Copa Libertadores, que poderá ter até 18 times que já conquistaram o torneio.

“Abordamos esse assunto com os jogadores. Todos no futebol brasileiro têm ótimas intenções. Mas também vimos muita gente ano passado com ótimas intenções e que quase não atingiram nenhum objetivo, porque o futebol sul-americano é muito competitivo e duro. E ninguém ganha nada antes da bola rolar. Você só se constrói ganhador durante as competições, ainda mais em torneios. Competições em que o sistema passa a ser de mata-mata, em 180 minutos, alguém passa ou alguém fica. E, às vezes, o time bom fica no caminho”, alerta Mano.

“Neste ano poderemos ter 18 campeões na Libertadores. Isso dá uma ideia do nível que vai ser. E todos estes 18 vão entrar com o objetivo de serem campeões de novo. Essa é a realidade do futebol e temos que nos preparar para estar entre estes na hora da decisão”, argumentou.

Para entrar forte não apenas na Copa Libertadores, mas em todas as competições da temporada, Mano já traçou com sua comissão todo o trabalho da pré-temporada que se iniciou nesta quarta-feira. O fato do Campeonato Mineiro já começar no dia 17 de janeiro fará com que o planejamento de utilização dos atletas seja especial.

“Não adianta querermos criar fatos que não existem. Vamos ter 14 dias de pré-temporada e depois vamos ter que entrar em campo. Nenhum time estará nas melhores condições nestes primeiros jogos no futebol brasileiro. Tem que se fazer valer a qualidade dos jogadores que temos, algumas estratégias de rodar a equipe mais nos primeiros jogos, para poder trabalhar quem não participar de um jogo em um período um pouco maior. E é o que vamos fazer”, informou o treinador celeste.