CRUZEIRO SAÍ NA FRENTE MAS FICA NO EMPATE FORA DE CASA DIANTE DO GOIAS PELA SÉRIE B - CLUB SPORTS | O SEU CANAL DE ESPORTES


 

Breaking

 ASSISTIR AGORA!

quarta-feira, 8 de setembro de 2021

CRUZEIRO SAÍ NA FRENTE MAS FICA NO EMPATE FORA DE CASA DIANTE DO GOIAS PELA SÉRIE B



O Cruzeiro empatou novamente na Série B, a 11ª vez em 22 rodadas e segue estagnado na tabela. Dessa vez foi contra o Goiás, por 1 a 1, fora de casa. A Raposa segue invicta com o técnico Vanderlei Luxemburgo, mas vê o G-4 ainda longe: agora são 12 pontos a menos que o Botafogo, quarto colocado, com 38 pontos.

A Raposa também perdeu a chance de alcançar a melhor posição na tabela até aqui. Se vencesse na Serrinha, o time celeste poderia terminar a rodada no 12º lugar, subindo três posições.

Além de não conseguir “encostar” nos primeiros colocados, o Cruzeiro segue em uma zona "perigosa" da tabela. Agora no 14º lugar, a Raposa tem 26 pontos, apenas três a mais que o Vitória, 17º colocado e primeiro time no Z-4.

Na próxima rodada, o Cruzeiro enfrenta a Ponte Preta na Arena do Jacaré, no sábado (11). O Goiás joga contra o CRB, em Maceió.

O JOGO – O primeiro tempo foi morno e sem muita criatividade de ambas equipes. Apesar do excelente gramado na Serrinha, os primeiros 45 minutos foram de muitas jogadas aéreas. O Goiás teve mais posse de bola e criou boas chances, principalmente no final da primeira etapa. 

Já o Cruzeiro perdeu Bruno José machucado. O atacante precisou ser substituído aos 19 minutos. Com isso, o ataque celeste perdeu mobilidade.




No segundo tempo os gols saíram, um atrás do outro. Aos 17 minutos, belíssima jogada de Wellington Nem, que arrancou em velocidade, cortou para o meio tocou para Thiago marcar na saída do goleiro Tadeu. O centroavante havia acabado de entrar, no lugar de Sóbis, e colocou a Raposa na frente.

Mas um vacilo defensivo do Cruzeiro, dois minutos depois, colocou o Goiás em igualdade no placar novamente. Eduardo Brock rebateu mal a bola e tocou no pé de Elvis que, sozinho, chutou na entrada da área e fez o gol dos donos da casa.

O jogo seguiu aberto, com ambos os times buscando a vitória, mas a partida terminou em 1 a 1, mesmo resultado do primeiro turno, quando Cruzeiro e Goiás empataram no Mineirão.

GOL IRREGULAR – Na saída de bola após o gol celeste, um dos jogadores do Goiás estava no campo do Cruzeiro, o que não é permitido. Sendo assim, o lance que originou o gol do Goiás deveria ser invalidado, segundo o comentarista de arbitragem da Rádio Itatiaia, Márcio Rezende de Freitas.

       GOIAS 1 X 1 CRUZEIRO        

Goiás

Tadeu; Apodi, David Duarte, Reynaldo Arthur; Rezende (Daniel Oliveira), Caio Vinícius (Felipe Bastos) e Élvis; Diego, Nicolas e Alef Manga (Dadá Belmonte). Técnico: Marcelo Cabo.

Cruzeiro Cruzeiro

Fábio; Cáceres, Ramon, Eduardo Brock, Matheus Pereira; Adriano, Rômulo, Giovanni (Claudinho); Bruno José (Marcinho depois Felipe Augusto), Rafael Sóbis (Thiago), Wellignton Nem. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação!!!