Cruzeiro Sub-20 conquista Supercopa e está na Libertadores - CLUB SPORTS | O SEU CANAL DE ESPORTES


 

Breaking

 ASSISTIR AGORA!

sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Cruzeiro Sub-20 conquista Supercopa e está na Libertadores


O Cruzeiro Sub-20 conquistou a Supercopa do Brasil de 2018 e está na Copa Libertadores da América da categoria em 2018. A vaga para a competição sul-americana aconteceu na conquista diante do rival Atlético-MG na disputa dos pênaltis, depois do empate por 2 a 2 no tempo normal.

A partida, que foi realizada na Arena Independência, começou com o adversário saindo na frente com gol de Marco Túlio e a Raposa buscando o empate por meio de Vitinho. Na segunda etapa, o rival ficou na frente do placar novamente aos 39 minutos, com o gol de Welliton, mas o Campeão Brasileiro buscou o empate com Cesinha aos 41 minutos, levando a disputa para os pênaltis.

Nas cobranças, mais uma vez brilhou a estrela do goleiro cruzeirense Vitor Eudes. Ele defendeu as penalidades de Daniel e Ruan enquanto os jogadores da Raposa não desperdiçaram nenhuma cobrança fazendo 4 a 2 no placar e se tornando o Campeão da Supercopa do Brasil e automaticamente conquistando a vaga para a Copa Libertadores de 2018.

  • O JOGO

A primeira grande chance do jogo foi do adversário. Aos 20 minutos, a bola foi cruzada para a área e a zaga celeste afastou, no rebote Capixaba bateu de primeira e Vitor Eudes fez grande defesa.

No ataque seguinte, aos 24 minutos saiu o gol do rival. Marco Túlio recebeu na intermediaria, avançou em direção ao gol e chutou de fora da área, a bola desviou na zaga e enganou o goleiro cruzeirense. 0 a 1.

Aos 38 minutos, blitz do Cruzeiro em busca do empate. No primeiro lance, tabela de Lucas Soares e Vitinho, o lateral cruzou e a zaga atleticana afastou o perigo. No rebote, Thonny cruzou, a bola passou pelo goleiro e novamente a defesa afastou o perigo, quase na linha do gol.

No lance seguinte saiu o gol de empate. Aos 39 minutos, Gustavo Rissi cobrou o lateral pela esquerda, Thonny Anderson desviou de cabeça para o meio da pequena área e Vitinho completou para o gol. 1 a 1.

Aos 45 minutos por pouco não saiu a virada celeste. A zaga atleticana saiu jogando errado, Marcelo recebeu na intermediária, lançou Nickson pela direita. O atacante entrou na área e chutou para a boa defesa de Cleiton para escanteio.

 SAIBA MAIS

O primeiro lance da etapa complementar foi do adversário. Contra-ataque aos 16 minutos, Marco Túlio foi lançado dentro da área, o atacante bateu de primeira e a bola foi à esquerda de Vitor Eudes.

O Cruzeiro respondeu aos 26 minutos. Lucas Soares fez ótima jogada pela direita e serviu João Luiz na entrada da área, o meia-atacante girou e bateu para o gol, mas Claiton fez a defesa.

Aos 31 minutos, Marcelo recebeu na esquerda e viu a passagem de Victor Luiz, o lateral chegou a linha de fundo e bateu para trás, o zagueiro afastou antes dos atacantes da Raposa.

O Atlético-MG chegou ao segundo gol aos 39 minutos. Bola para Anderson na esquerda, O atacante cruzou e Welliton empurrou para o gol. 1 a 2.

Dois minutos depois, aos 41 minutos, o Cruzeiro empatou. Ótima jogada na esquerda, João Luiz lançou Cesinha, o meia que havia entrado no lugar de Thonny, bateu cruzado e empatou para o Cruzeiro. 2 a 2.

Pênaltis

César (Atlético-MG) – gol
Marcelo (Cruzeiro) – gol
Nathan (Atlético-MG) – gol
Vander (Cruzeiro) – gol
Daniel (Atlético-MG) – defendeu
João Luiz (Cruzeiro) – gol
Ruan (Atlético-MG) – defendeu
Eduardo (Cruzeiro) - gol

Cruzeiro sub-20 Campeão da Supercopa do Brasil e classificado para a Libertadores da América da categoria em 2018.
  • CRUZEIRO X ATLÉTICO

Motivo: Supercopa do Brasil sub-20
Data: 23/11/2017 (quinta-feira)
Local: Arena Independência, em Belo Horizonte-MG
Árbitro: Igor Júnio Benevenuto (FMF)
Gols: Capixaba aos 24 e Vitinho aos 39 minutos do primeiro tempo. Welliton aos 39 e Cesinha aos 41 minutos do segundo tempo.
Cruzeiro: Vitor Eudes, Lucas Soares, Cacá, Gustavo Rissi e Victor Luiz, Márcio (Eduardo), Vander e Vitinho (João Luiz); Nickson (João Diogo), Tonny Anderson (Cesinha) e Marcelo
Técnico: Émerson Ávila
Atlético-MG: Cleiton, Emanuel, Nathan, Ruan e César; Cícero, Renan (Anderson) e Ralph (Lucas); Daniel Penha e Marco Túlio (Anderson Cordeiro); Capixaba (Welliton).
Técnico: Ricardo Resende
Cartões amarelos: Gustavo Rissi, Vander, Márcio, Cesinha (Cruzeiro), Capixaba, Marco Túlio, Ralph (Atlético-MG)