AMÉRICA NÃO AGUENTA A PRESSÃO E FICA FORA DA COPA DO BRASIL - CLUB SPORTS | O SEU CANAL DE ESPORTES


 

Breaking

 ASSISTIR AGORA!

sexta-feira, 1 de março de 2019

AMÉRICA NÃO AGUENTA A PRESSÃO E FICA FORA DA COPA DO BRASIL


O América caiu na segunda fase da Copa do Brasil. Em uma atuação abaixo do que o time vem apresentando no Campeonato Mineiro, o Coelho errou muito diante do Juventude e foi derrotado por 2 a 1, nesta quinta-feira, no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul.

A partida teve dois lances polêmicos. O primeiro foi no segundo gol do Juventude, logo no primeiro minuto da etapa final, em que o atacante Breno dividiu com Fernando Leal chutando a bola das mãos do goleiro americano, que caiu para tentar fazer a defesa, antes de completar para o gol vazio.

O segundo lance polêmico foi o gol anulado do América nos acréscimos do segundo tempo que levaria a decisão da vaga para a terceira fase para os pênaltis. Após falta cobrada para a área, o goleiro do Juventude saiu mal e Leandro Silva cabeceou para o alto. A bola subiu e Júnior Viçosa cabeceou para as redes, mas o árbitro invalidou a jogada alegando que antes houve uma falta. Os jogadores do América reclamaram muito da marcação, mas de nada adiantou.

A derrota foi um desastre para o América que viu o Juventude vencer em casa após quatro meses. O último triunfo havia sido no dia 26 de outubro do ano passado por 1 a 0 sobre o Sampaio Corrêa-MA, pela Série B do Campeonato Brasileiro. Desde julho de 2018, o clube gaúcho, que foi rebaixado para a Série C, tinha ganhado apenas duas vezes em seus domínios.

Boa parte do primeiro tempo foi bastante truncado e sem emoções. O América até teve mais posse de bola, mas não soube criar perigo para a meta do goleiro Marcelo Carné. Até que nos acréscimos Dalberto recebeu pela direita, cruzou na área do Coelho e a bola bateu no braço de João Paulo. O árbitro não teve dúvida e marcou pênalti. Genílson foi para a cobrança e abriu o placar para o Juventude aos 49 minutos.

Na volta do intervalo, vacilo do América na saída de bola, Moisés roubou e saiu em contra-ataque. A bola chegou na entrada da área até o uruguaio Braian Rodríguez, que tocou de letra, e Breno apareceu livre de marcação. O atacante ganhou a dividida com Fernando Leal e mandou para as redes. Os jogadores do Coelho ficaram pedindo falta no goleiro, mas o árbitro validou o gol.

Aos 43 minutos, o América conseguiu diminuir em cobrança de pênalti sofrido por Jonatas Belusso. O próprio atacante converteu, mas não adiantou nada para o Coelho que acabou caindo na segunda fase.

Com a eliminação, além da vaga na terceira fase, o América também saiu no prejuízo financeiro, pois deixou de ganhar R$ 1,450 milhão de premiação. O próximo adversário do Juventude na Copa do Brasil será o Botafogo.

             JUVENTUDE 2 X 1 AMÉRICA            

Motivo: Copa do Brasil, segunda fase
Estádio: Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS)
Árbitro: Jose Claudio Rocha Filho
Auxiliares: Anderson José de Moraes Coelho e Daniel Paulo Ziolli

⚽ Gols: Genílson (pênalti - 49’/1º), Breno (1’/2º), Jonatas Belusso (pênalti - 43’/2º)

Cartão amarelo: Moisés, Genilson, Dalberto e Gabriel Valentini (Juventude); Felipe Azevedo, Diego Jussani e Fernando Leal (América). 

Juventude: Marcelo Carné; Vidal, Genilson, Victor Sallinas e Eltinho; Aprile (Mateus Santana), Breno (Gabriel Valentini), Moisés e Denner (Bruno Camilo); Dalberto e Braian Rodríguez. Técnico: Luis Carlos Winck

América: Fernando Leal; Leandro Silva, Diego Jussani, Paulão e João Paulo; Zé Ricardo, Juninho e Matheusinho (Jonatas Belusso); Marcelo Toscano (França), Felipe Azevedo (Neto Berola) e Júnior Viçosa. Técnico: Givanildo Oliveira

Público: 3.192
Renda: R$ 37.165,00